Os primeiros bolsistas da Total Energies vão para a França

Os primeiros 11 dos 21 alunos que vão se beneficiar das bolsas de estudos superiores na França concedidas pela Total Energies viajaram para a França nesta terça-feira, 31 de agosto, para iniciar seus estudos.

 

As bolsas, que são entregues em parceria com o governo francês, foram concedidas após um rigoroso processo de seleção que considerou uma série de fatores, incluindo capacidade acadêmica, diversidade de gênero, província e formação. Este primeiro grupo de alunos selecionados irá frequentar algumas das mais conceituadas instituições de ensino superior da França, cobrindo uma ampla variedade de disciplinas nos níveis de bacharelado e mestrado.

 

Leonardo Nhavoto, gerente de conteúdo local da TotalEnergies afirma: “É com grande satisfação que a TotalEnergies testemunha a partida desses primeiros alunos para a França

 

“Dotar as habilidades dos jovens é um investimento fundamental para garantir que, no futuro, eles sejam capazes de fazer uma mudança positiva na comunidade e assumir posições de liderança nas empresas e organizações onde trabalharão”, diz Nhavoto.

 

Chayrnila Panguene, que fará o bacharelado em engenharia química, diz “Sinto que essa experiência na França me trará novas perspectivas de como explorar os recursos naturais que temos aqui. Quando eu voltar [para Moçambique], quero trazer esta experiência que irá beneficiar o meu país e a minha comunidade. ”

 

Adolfo Neves, que fará o Mestrado em Ideias Políticas na Era Digital, afirma: “Estou extremamente motivado para ingressar neste programa de mestrado, é um curso singular que vai me premiar com competências únicas que ainda não existem no país. Além disso, há uma oportunidade de estágio de 6 meses na UNESCO ao final do programa, o que acredito que vai reforçar a minha experiência e me dar as ferramentas adequadas para voltar a Moçambique e usar todos os meus conhecimentos para dar vida aos meus planos.“

Os primeiros bolsistas da Total Energies vão para a França

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here